IMG_1224Hildegarda de Bingen escreveu, em sua linguagem medieval, sobre a erva-doce: "Não importa como a erva-doce seja consumida, ela traz alegria, dá ao corpo uma boa irrigação sanguínea, dá um bom odor ao corpo e facilita a digestão... Aquele que come a planta ou os grãos da erva-doce em jejum (...) perde o mau-hálito."1

A erva-doce é um bom remédio para a digestão. Ela elimina as flatulências e combate o ácido gástrico assim como a acidez estomacal causada por uma má alimentação (erros alimentares) ou uma alimentação muito gordurosa.

Ela é conhecido por ajudar a acalmar os ânimos mas também tem outras utilidades tais como combater a retenção de líquidos, estimular a produção de leite maternal e aliviar as cólicas. Hildegarda recomenda a tisana de erva-doce, no máximo, de 1 à 2 litros por dia - respeitando sempre seu organismo e o funcionamento de seus rins2 ou no mínimo, 3 xícaras de chá por dia - após às refeições. Isso vale para todos mas principalmente para as mulheres.

Receita de Tisana (ou Infusão) de Erva-Doce

  • Tisana de Erva-Doce com Folhas

Coloque 1 litro de água para ferver. Em seguida, adicione oito colheres (de sopa) de folhas de erva-doce e mantenha o preparo em fervura durante 30 segundos em recipiente com tampa. Desligue o fogo e deixe a mistura descansar por cinco minutos, para que as substâncias ativas sejam liberadas.

  • Tisana de Erva-Doce com Sementes

Ferva 1 litro de água e acrescente três colheres de sopa de sementes de erva-doce seca. Apague o fogo e deixe a bebida descansar por cinco minutos. Depois, coe – e está pronta para consumir.

Se você quiser saber mais sobre a ERVA-DOCE e o FUNCHO, clique AQUI.

Veja também Erva-Doce, a erva preferida de Hildegarda de Bingen.

IMG_1219

Notas:

1. traduzido livremente do francês: "Sous quelque forme qu'on consomme le fenouil, il rend gai, donne au corps une bonne irrigation sanguine, une bonne odeur et facilite la digestion... Chez celui qui mange quotidiennement du fenouil ou des graines de fenouil á jeun, les mucosites délétères et les substances putrides diminuent et il perd aussi sa mauvaise haleine...";

2. É importante conversar com seu médico ou naturopata sobre a quantidade de líquidos que seu organismo pode ingerir devido ao trabalho que isso fornecerá aos rins mais tarde. Algumas pessoas, podem tomar bastante líquidos mas outras devem ingerir somente uma determinada quantidade que poderá ou não ser aumentada com o tempo. Cada organismo é diferente um do outro e por isso, é importantíssimo escutá-lo e sobretudo, respeitá-lo.

IMG_0486